Notícias

04/12/2017 10:50

Funceb recebeu membros da Associação de Profissionais do Audiovisual Negro para discutir ações afirmativas

Funceb recebeu membros da Associação de Profissionais do Audiovisual Negro para discutir ações afirmativas (Foto: Vera Violeta)
(Foto: Vera Violeta)

A Diretora Geral da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb/SecultBA), Renata Dias, recebeu na manhã desta sexta-feira (1º) membros da Associação de Profissionais do Audiovisual Negro (APAN-BA), representados por Emerson Dindo, Daniela Fernandes, Urânia Muzunzu e José Carlos Ferreira. Na ocasião, a APAN entregou à direção da FUNCEB a “Carta com propostas de ações afirmativas no âmbito do Edital Setorial de Audiovisual 2017”.

No documento contém propostas para a construção das políticas do audiovisual com ênfase no instrumento jurídico em que se baseará as contratações de projetos junto ao Fundo Estadual de Cultura através do Editorial Setorial de Audiovisual.

Dentre as ações afirmativas contidas no documento, destaca-se o item que diz respeito à questão de Cotas, com base no Estatuto da igualdade Racial e de Combate à Intolerância Religiosa do Estado da Bahia Estadual n° 13.182/2014 e o decreto n° 15.353/2014 que reservam aos negros e indígenas 30% da quantidade de propostas a serem selecionadas em cada categoria do edital, a exemplo de Direção e Produção Executiva, dentre outros.

Outro item destacado pela APAN é o da Barema (critérios indutores para profissionais negros, mulheres e indígenas), com 5% para critérios indutores para mulheres e 5% para negros e indígenas. Na avaliação do pesquisador e produtor Pedro Caribé, o encontro trouxe boas perspectivas para a APAN. “Percebemos um compromisso comum aqui, entre nós e a Funceb. O desenvolvimento do audiovisual baiano passa por uma presença da população negra, fundamental na produção e formação do público”, diz.

“Foi muito gratificante receber os membros dessa Associação, acho que a gente precisa acolher a sociedade. Vamos nos esforçar para que as nossas políticas sejam cada vez mais inclusivas”, revelou ao final do encontro, Renata Dias, Diretora Geral da Funceb.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.