Notícias

12/03/2018 14:34

#MêsDoTeatro - Vida afetiva do jovem urbano é retratada em: A persistência das últimas coisas

A Persistência das Últimas Coisas (Foto: Mário Edson Oliveira)
A Persistência das Últimas Coisas (Foto: Mário Edson Oliveira)


A Persistência das Últimas Coisas (Foto: Mário Edson Oliveira)
A Persistência das Últimas Coisas
(Foto: Mário Edson Oliveira)
O Espetáculo 'A persistência das últimas coisas', é uma versão brasileira do texto argentino de Juan Ignacio Crespo e direção/adaptação de Celso Jr. A peça já esteve em cartaz durante duas temporadas no Teatro Vila Velha e tem no elenco o vencedor do Prêmio Braskem 2017 de Melhor Ator, Igor Epifânio, além dos atores Vinicius Bustani e Paula Lice.

Em comemoração ao Dia Mundial do Teatro em 27 de março, a Fundação Cultural da Bahia (Funceb) promove a divulgação dos espetáculos contemplados pelo Kit de Difusão do Teatro da Bahia de 2018 da Funceb. O projeto que integra o Programa de Difusão das Artes Cênicas do Estado promove diretamente a difusão, circulação e memória do Teatro da Bahia, além de estimular a criação, produção e pesquisa, por meio dos intercâmbios de conhecimentos e experiências.

A montagem do diretor Celso Jr, que foi selecionada para compor o Kit, trata da memória e invenção ao apresentar o personagem principal envolvido num fluxo temporal de eterno retorno, ao ser abandonado pelo ex-namorado. Desta maneira, projeções emocionais da sua memória são evocadas na cena, onde ele busca remontar os momentos vividos em seu relacionamento amoroso com o ex.

Empolgado, Celso Jr, que em 2017 completou 30 anos de carreira, expressa sua confiança no projetoa da Funceb: “é importantíssima a promoção, difusão e manutenção da memória dos espetáculos baianos, é imensamente louvável a iniciativa. Acredito que o Kit Difusão seja uma ferramenta importante para a divulgação do trabalho do artista. Feito com cuidado pode ampliar as possibilidades de alcance da peça”, afirma.

Ele conclui descrevendo suas esperanças em relação ao projeto: “a minha maior expectativa é de que o espetáculo possa ser avaliado para a participação em festivais e chame atenção de produtores interessados em colaborar com a manutenção da peça em cartaz.”, declara.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.