Notícias

12/03/2018 17:10

Apoio do Governo da Bahia foi essencial para 'A Luta do Século' chegar ao cinema, diz diretor do filme

A Luta do Século (Foto: Divulgação)

A Luta do Século (Foto: Divulgação)

Diretor do documentário ‘A Luta do Século’, que tem pré-estreia nesta segunda-feira (12), o cineasta Sérgio Machado classificou como de fundamental importância a participação do Governo do Estado na produção do filme que narra a rivalidade do boxeador baiano Reginaldo Holyfield e do pernambucano Luciano Todo Duro nos ringues. “Sem esse apoio, talvez não fosse possível levar às telas do cinema a história desses dois grandes lutadores nordestinos”.

A sessão desta noite, que será aberta ao público mediante a compra de ingresso, contará com a presença do diretor Sérgio Machado e dos boxeadores Holyfield e Todo Duro. Na avaliação do cineasta, sem o apoio de instituições governamentais, não se produz cultura. “Uma terra que não tem cinema é como uma casa que não tem espelho, ou seja, as pessoas não podem se enxergar”, compara o cineasta, ao avaliar a importância da cultura na vida das pessoas.

O filme, que estreia no circuito comercial em todo o País nesta quinta-feira (15), contou com apoio financeiro da ordem de R$ 547 mil do Governo da Bahia, por meio do Edital Setorial de Audiovisual oriundo do Fundo de Cultura. Criado em 2005 e gerido pelas secretarias de Cultura e da Fazenda, o Fundo incentiva, por meio de auxílio financeiro, as produções artístico-culturais baianas. A produção é da Lata Filmes, Mar Filmes, Mar Grande Produções, Muiraquitã Filmes e Ondina Filmes. Confira abaixo o trailer oficial do documentário.


A Luta do Século (Imagem: Divulgação)
A Luta do Século (Imagem: Divulgação)
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.