Notícias

28/11/2018 16:40

#NovembroDasArtesNegras – Cantor Dão fará apresentação gratuita na Penitenciária Feminina Lemos de Brito

card

Com um público estimado em 150 pessoas, a apresentação do show Dão canta Roberto Carlos acontecerá nas instalações do Conjunto Penal Feminino do Complexo Penitenciário Lemos de Brito, no bairro da Mata Escura, dia 5 de dezembro, às 10h.

Trata-se de uma atividade voltada para a área musical dentro do contexto do Novembro das Artes Negras, promovido pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb/SecultBa) pelo segundo ano consecutivo, com palestras, bate-papos, exposições, mostras e oficinas referentes ao Mês da Consciência Negra.

A intenção da apresentação é difundir a arte musical para o público carcerário como uma maneira de contribuir para uma maior integração e acesso destes aos bens artístico-culturais. Tudo isso em função da população feminina apresentar um isolamento social muito superior à masculina, segundo dados da assessoria da penitenciária.

O evento vai aproveitar a presença dos visitantes familiares das internas, já que na data do show será dia de visitação na instituição.

Romantismo - Dão canta Roberto é o novo projeto do artista com um repertório composto de 23 músicas da carreira do cantor e compositor Roberto Carlos. São composições da década de 70, incluindo: A Linha do Horizonte; As Curvas da Estrada de Santos; Você não serve pra mim, dentre outras, fase em que Roberto se envolveu profundamente com ritmos da black music. O show traz releituras desses sucessos, buscando reviver na memória dos espectadores essas fases da carreira do Rei Roberto.

“A intenção desse show veio através da leitura de dois livros: “As Prisioneiras” do Draúzio Varela e “A terceira pessoa menos importante”, de Manuela Carvalho. Nesses livros essas mulheres prisioneiras não recebem nenhum tipo de visita, nem de parente e amigos... isso me tocou muito e me deixou muito triste, daí veio a ideia de me apresentar para esse público. Você pode tocar o coração dessas mulheres com essa música”, conta Dão.

Mistura de ritmos – Baiano, 40 anos, pesquisador musical, cantor e compositor, Anderson de Sousa Costa - Dão -, passeia por diversos estilos musicais da música negra brasileira e mundial. Para compor seu universo musical o artista utiliza diversas referências, criando uma black music contemporânea, em uma mistura de ritmos brasileiros e africanos.

O artista possui 10 anos de estrada com apresentações no Brasil, Estados Unidos, Reino Unido e Angola. Sua carreira é repleta de apresentações importantes como a participação no Afro XXI, evento que celebrou o Ano Internacional do Afrodescendente, realizado pela UNESCO, no Centro Histórico de Salvador.

Sempre acompanhado de sua banda, o cantor foi atração de projetos de destaque no cenário cultural baiano, a exemplo do Festival Sangue Novo, do Circuito Música Bahia 2015, do projeto Música no Parque, da 14ª edição do Festival de Lençóis e da 15ª edição do Festival de Verão.

Serviço:
Show musical Dão canta Roberto Carlos
Onde: Conjunto Penal Feminino do Complexo Penitenciário Lemos de Brito, em Mata Escura
Quando: 5 de dezembro, às 10h.
Evento fechado para o público interno da instituição e visitantes
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.