Notícias

21/11/2018 17:51

#NovembroDasArtesNegras - Lançada a exposição de tecidos africanos do Acervo África na Funceb

publico

Dando início às atividades do Novembro das Artes Negras da Funceb, foi inaugurada nesta quarta-feira (21) a exposição Acervo África, uma coleção circulante composta por 17 peças de tecidos industriais e artesanais oriundos do continente africano. A exposição está aberta na sede da Fundação Cultural do Estado, no Pelourinho, até 30 de novembro, das 8h às 17h.

A abertura da exposição contou com a participação da diretora-geral da Funceb, Renata Dias, que ressaltou que "essa exposição é símbolo de reconhecimento da diversidade, conta a história através de diversas perspectivas, assume a diversidade da história. Essas mostras têxteis trazem em si uma série de informações que detalham essa diversidade. É o reconhecimento da pluralidade da história de mundo que se manifesta na pluralidade das artes".

publicoA coleção é fruto das viagens de pesquisa historiadora Daniela Moreau, coordenadora e mantenedora do Acervo África. Durante o lançamento, ela destacou que "quando você coleciona algo, na verdade está reunindo, e é muito bom quando isso passa a fazer sentido para mais pessoas, e não só para você. Sempre tive essa ideia de que outras pessoas deveriam apreciar as variedades dos tecidos africanos".

Daniela reúne, além dos tecidos, esculturas, adereços, adornos, totens e indumentárias africanas desde 1985. "Eu fui instigada e intrigada, pois eles são diferentes do que eu imaginava ser o tecido africano", conclui.


O coordenador de Artes Visuais da Funceb, Alberto Pitta, responsável pela exposição na Funceb, falou que "ter a possibilidade de trazer de São Paulo, da Casa das Áfricas, tecidos artesanais de origem africana é muito importante. Esses tecidos vieram de diversos lugares, como Costa do Marfim, Burkina Faso, Mali, Gana. É a primeira vez que essa exposição vem para cá, e ainda num conceito de espaço de trabalho promovido a espaço expositivo".

publico
Lia da Silveira, Daniela Monrau, Alberto Pitta e Renata Dias

Além dos funcionários da Funceb e visitantes externos, o lançamento da exposição também contou com a presença da Secretária de Cultura, Arany Santana. "Fico feliz de fazer parte desse momento e orgulhosa da capacidade de atuação da gestão em legitimar a importância dessa instituição para a diversidade negra do estado. Essa é a nossa raiz, a origem da história da humanidade", disse a Secretária.

Este é o segundo ano que acontece o Novembro das Artes Negras da Funceb, com apresentações, mostras artísticas, oficinas, exposições e exibições de filmes gratuitas para a população. Sobre o projeto, a diretora-geral da Funceb, Renata Dias, destacou que "o mais interessante é ver funcionários da casa se reconhecendo como pessoas negras e conhecendo sua história. O projeto evoca o público a ser mais minucioso em suas análises de 'o que é África?'", finalizou a diretora.

Fotos: Tomaz Neto
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.