Notícias

19/12/2018 17:00

#FÉRIAS – Danças do Oeste Africano e Rainha dos Blocos Afros são novidades dos Cursos de Férias da Funceb

card

A Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb/SecultBa) vai receber pela primeira vez no Curso de Férias 2019, as modalidades Danças do Oeste Africano e Dança de Rainha dos Blocos Afros. As aulas acontecerão na Escola de Dança da Funceb, no Pelourinho, de 7 de janeiro a 1º de fevereiro.

Os interessados devem se matricular diretamente com o professor no dia da aula. O investimento do curso é de R$ 25,00 (aula avulsa) ou R$ 150,00 (matrícula por curso). Confira as outras opções de cursos!

Oeste Africano - O curso de Danças do Oeste Africano será ministrado pelo professor Paulo Côrtes, que pretende desenvolver habilidades ritmicas do povo Malinke, no contexto do Oeste Africano "de modo que o conhecimento técnico esteja associado aos pressupostos sociais e culturais que indiquem possíveis diálogos entre a dança afro-brasileira e as danças africanas".

As aulas de Danças do Oeste Africano acontecerão às segundas e quartas-feiras, das 15h30 às 17h30, na Sala 1 da Escola de Dança da Funceb.

pauloConheça um pouco dos ritmos do oeste africano:
Komudenu: ritmo da região do Mali, associado a festividades, nas quais homens e mulheres relizam atos acrobáticos, a fim de entreter o povo e os enfermos;
Kuku: Um dos ritmos mais populares do povo Malinke, interpretado para celebrar a lua cheia e o retorno ds mulheres após atividades de pesca;
Kassa: Ritmo Malinke da região do Kurussá relacionado com as atividades agrícolas, animando a caminhada de campo em campo para a colheita e o sucesso dela;
Dundunba: Era originalmente dançada apenas por homens, hoje é dançada por todos, em festas públicas. É considerado patrimônio cultural do Oeste Africano.

"Há um tempo eu venho pesquisando danças africanas, então resolvi ir a São Paulo buscar mais com uma das referências de danças africanas no mundo, Fanta Konate, que me proporcionou o conhecimento que vou dividir com os alunos neste curso", revelou Paulo.

Blocos afros - Outra opção para movimentar o corpo durante as férias é aprender a Dança de Rainha dos Blocos Afros. Já pensou nisso? Pois, a professora Gisele Soares teve a idéia de elaborar o curso após ganhar o título de Deusa do Ébano em 2017.

"A ideia do curso é preparar tecnicamente jovens e adultos para a dança das rainhas de blocos afros a partir de ritmos e elementos inseridos na cultura dessas instituições, baseada na experiência de empoderamento e transformação social de mulheres que se tornam rainhas desses blocos em Salvador", explica a professora.

Segundo Gisele, os movimentos são estudados a partir das danças originárias dos terreiros de candomblé e mais estilizadas pelo Bloco Ilê Aiyê, o mais antigo bloco afro do carnaval de Salvador. "Nestas aulas, as meninas podem aproveitar para uma maior intensificação na preparação para os concursos de rainhas dos blocos afros que ainda vão acontecer", diz a professora.

As aulas serão às segundas e quartas-feiras, das 15h30 às 17h30, na Sala 2 da Escola de Dança da Funceb, no Pelourinho.


Serviço:
Cursos de Férias - Danças do Oeste Africano com Paulo Côrtes
Quando: segundas e quartas-feiras, das 15h30 às 17h30, na Sala 1

Cursos de Férias - Danças de Rainha dos Blocos Afros
Quando: segundas e quartas-feiras, das 15h30 às 17h30, na Sala 5

Onde: Escola de Dança da Funceb (Rua da Oração, nº 1, Pelourinho)
Investimento: R$ 150,00 (matrícula por curso) ou R$ 25,00 (aula avulsa)
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.