Notícias

11/04/2019 08:00

#CinemaÉnaFunceb - Ciclo celebra talento de Bette Davis na Sala Walter da Silveira

f
"O que terá acontecido a Baby Jane?" (Foto: Divulgação)

Ícone de Hollywood pelo seu talento, carisma e versatilidade, Bette Davis é atração na Sala Walter da Silveira. Três dos principais filmes da grande atriz compõem mostra em cartaz de 11 a 17 de abril (exceto dia 14/04), sempre com entrada franca no cinema cult dos Barris.

Entre os destaques o premiado “A Malvada” e “O que Terá acontecido a Baby Jane?”(1962), de Robert Aldrich. Completa o miniciclo uma raridade dos anos 1930, “Mulher Marcada”, realizado por Lloyd Bacon em 1937.

Perfil Bette Davis - Nascida em 5 de abril de 1908 em Lowell, Massachusetts. Bette Davis sonhava em seguir a carreira na dança, pois para ela, ser dançarina era ter uma vida sofisticada e cheia de sucesso. Mas foi em uma pequena experiência como atriz em um circuito off-Broadway, na peça “The Earth Between”, que percebeu que dançar não era aquilo que ela sempre imaginou e resolveu trocar a dança pelos palcos, estrelando sua primeira peça teatral na Broadway, “Broken Dishes”, em 1929.

Se mudou para Hollywood em 1930, esperando algo a mais. Fez seu primeiro teste na Universal no mesmo ano e foi no meio da “audição” que um dos responsáveis pediu-lhe para que erguesse seu vestido até um pouco acima de seus joelhos. "O que pernas têm a ver com atuar?", perguntou ela ao responsável pelos testes. "Você ainda não conhece Hollywood.", foi sua única resposta.

c
"A Malvada" (Foto: Divulgação)

Estreou no cinema, em 1931 com o filme “Way Back Home”. Posteriormente, já contratada pela Universal estrelaria “Bad Sisters”, com Humphrey Bogart. Eles voltariam a trabalhar juntos em “A Floresta Petrificada” (The Petrified Forest). Mas foi na RKO, em 1934, no filme “Servidão Humana” (Of a Human Bondage), com sua personagem Mildred, que ela firmou a sua imagem, a de mulher forte, determinada, independente, agressiva e desbocada. Em 1936, ela conquistou sua primeira indicação ao Oscar de melhor atriz por “Perigosa” (Dangerous) e consequentemente, também, sua primeira estatueta. Em 1939, ela recebeu sua segunda estatueta por “Jezebel”, interpretando uma jovem sulista, forte e determinada.

Na segunda guerra mundial (1943), Bette Davis montou, em pleno campo de batalha, o Hollywood Canteen, onde os astros do cinema iam fazer apresentações beneficentes aos soldados americanos. Davis voltou a receber mais oito indicações nos seus filmes posteriores, sendo sua última indicação, por “O Que Terá Acontecido a Baby Jane?” (What Ever Happened to Baby Jane?), em 1962.

Em mais de 60 anos de carreira Bette Davis fez mais de 100 filmes. Morreu em 6 de outubro de 1989

Serviço:
Mostra “Três vezes Bette Davis”
Quando: 11 a 17 de abril (exceto dia 14/04), às 15h
Onde: Sala Walter da Silveira
Apoio: MPLC
Entrada franca
 

Confira a programação:


Dias 11, 13 e 15/04

15h


A Malvada (All About Eve, EUA, 1950) – Exibição em Blu-Ray
Direção: 
Joseph L. Mankiewicz
Elenco: Bette Davis, Anne Baxter e George Sanders
Duração: 130 minutos.
Classificação: 10 anos

Sinopse - A ambiciosa aspirante à atriz Eve Harrington se infiltra no camarim da estrela consagrada Margo Channing, que após ouvir sua história triste, resolve ajudá-la. Mas Eve parece só ter intenção de usá-la para entrar no show biz.


Dias 12 e 16/04

15h


O Que Terá Acontecido a Baby Jane? (What Ever Happened to Baby Jane? EUA, 1962) – Exibição em Blu-Ray

Direção: Robert Aldrich
Elenco: Bette Davis, Joan Crawford e Victor Buono
Duração: 134 minutos.
Classificação: 14 anos

Sinopse - Bette Davis é Jane Hudson, uma artista que alcançou a fama quando menina e ficou conhecida como "Baby Jane". Agora envelhecida e distante do público há muitos anos, vive encerrada em uma mansão com sua irmã, Blanche Hudson (Joan Crawford) desde um acidente que selou a sorte de ambas, terminou a carreira brilhante de Blanche e acelerou a decadência geral de Jane. Disposta a brilhar nos palcos novamente, Jane volta à Baby Jane, passando por cima de tudo e de todos para atingir seu objetivo.

 
Dia 17/04

15h


Mulher Marcada (Marked Woman, EUA, 1937) – Exibição em DVD
Direção: Lloyd Bacon
Elenco: Bette Davis, Humphrey Bogart, Isabel Jewell, Eduardo Ciannelli e Lola Lane.
Duração: 96 minutos.
Classificação: 10 anos

Sinopse - Bette Davis é  Mary Dwight, anfitriã de uma boate de New York, recém adquirida pelo mafioso Johnny Vanning (Eduardo Ciannelli). Mary pensa que é inteligente bastante para manter-se fora dos problemas até o dia que sua inocente irmã desaparece. “Mulher Marcada” foi inspirado na história verdadeira de Lucky Luciano, que foi preso por causa do testemunho de várias prostitutas.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.