O que é o Calendário das Artes?

É um concurso promovido pela FUNCEB para a seleção de propostas que estimulem o desenvolvimento das artes nos diversos Territórios de Identidade do estado da Bahia. O Edital também tem a finalidade de organizar as solicitações e a distribuição de recursos ao longo do ano e é lançado em Chamadas. As inscrições agora abertas são da 1ª Chamada do ano de 2013.

O Calendário das Artes foi iniciado em 2012 e se baseia em princípios para garantir a simplificação, a ampliação e a territorialização da distribuição de recursos para a produção artística de pequeno porte em toda a Bahia.

Somando os números das duas Chamadas do Calendário das Artes em 2012, a FUNCEB disponibilizou R$ 1,092 milhão para a execução de 86 projetos, selecionados dentre um total de 1.776 inscritos, e oriundos de 50 municípios, contemplando 26 dos 27 Territórios de Identidade do estado.

Mais verbas para mais pessoas poderem realizar atividades artísticas em toda a Bahia.

Voltar ao topo

Quando os projetos apoiados na 1ª Chamada do Calendário das Artes 2013 devem ser realizados?

Esta 1ª Chamada do Calendário das Artes 2013 se destina a ações que sejam iniciadas no período de 1º de junho a 31 de agosto deste ano. Já o término das ações depende apenas do planejamento da sua proposta.

A 1ª Chamada do Calendário das Artes 2013 é para projetos que se iniciem entre 1º de junho e 31 de agosto deste ano.

Voltar ao topo

Quais as áreas e os tipos de propostas que podem participar?

Os projetos podem propor quaisquer ações dentro das áreas de Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Dança, Literatura, Música, Teatro e Artes Integradas (que envolvem mais de uma área artística).

O Calendário das Artes prioriza propostas oriundas e/ou realizadas em benefício de populações com menor acesso a produtos culturais e que privilegiem a diversidade cultural.

Voltar ao topo

Quem pode participar?

Pessoas Físicas (qualquer cidadão que tenha CPF) que residam na Bahia e tenham idade igual ou superior a 18 anos, podendo ser brasileiros natos ou naturalizados, ou estrangeiros com permanência legalizada. Pessoas Jurídicas (entidades que tenham CNPJ) de Direito Privado, estabelecidas na Bahia e que desenvolvam ações artístico-culturais, conforme seu estatuto e/ou contrato social.

O Calendário das Artes é exclusivo para proponentes da Bahia.

Voltar ao topo

Quem não pode participar?

Não podem participar, como proponente do projeto: proponentes e/ou projetos premiados na 2ª Chamada do Calendário das Artes 2012; integrantes das comissões de seleção do Calendário das Artes, bem como seus parentes em até 2º grau; e servidores públicos da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e de suas entidades vinculadas.

Não podem participar, como membro da equipe realizadora do projeto: integrantes das comissões de seleção do Calendário das Artes, bem como seus parentes em até 2º grau, e servidores públicos da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e de suas entidades vinculadas.

Voltar ao topo

Uma pessoa com restrição no CPF com a Receita Federal pode se inscrever?

Sim. Mas, caso seja selecionada, só será habilitada no concurso se já estiver com a situação regularizada.

Salientamos que pessoas com restrições em serviços de proteção ao crédito podem participar. Não há nenhum tipo de análise neste sentido.

Voltar ao topo

Qual o valor do prêmio?

O prêmio é de ATÉ R$13.000,00 (ou seja, seu projeto tem de ter custo total máximo de R$ 13.000,00, mas pode ser de valor inferior), que sofrerá tributação de 20% referente ao Imposto de Renda. Exemplo:

  • R$ 13.000,00 – valor bruto
  • R$ 2.600,00 – 20% de imposto
  • R$ 10.400,00 – valor líquido

Essa tributação está baseada na Lei 8981, de 1995, art. 63 e Solução de Consulta nº15, DOU de 12.07.2011.

Para fazer o cálculo do imposto e inserir corretamente o valor no Formulário de Inscrição de sua proposta, você pode utilizar a calculadora disponível aqui no site, que faz as contas automaticamente. Clique aqui para fazer o cálculo

Voltar ao topo

Quantas propostas serão premiadas nesta 1ª Chamada?

Serão premiadas no mínimo 49 propostas. A previsão é de que sejam premiadas pelo menos sete propostas de cada um dos seis Macroterritórios da Bahia (veja no mapa Anexo II do Edital), excetuando-se a cidade de Salvador, para a qual existe uma categoria específica que vai apoiar ao menos sete propostas da capital. O total de recursos para esta 2ª Chamada é de R$ 637.000,00.

Voltar ao topo

Por que o Macroterritório 2 tem duas Categorias, e os outros Macroterritórios não têm?

O Calendário das Artes foi criado para promover a acessibilidade e a ampliação do investimento na produção artística de toda a Bahia, considerando sua grande diversidade e dimensões territoriais. Por isso, o edital inclui premissas que buscam abarcar propostas de todas as regiões do estado em quantidade igualitária, com avaliação dos projetos feita de forma territorializada e com os inscritos de cada Macroterritório da Bahia concorrendo apenas entre si.

Os números registrados pelo Calendário das Artes em 2012 demonstraram que a concorrência no Macroterritório 2, onde Salvador se localiza, é bastante acirrada. Na 2ª Chamada de 2012, por exemplo, o Macroterritório 2 teve 317 inscritos (45% do total de inscritos de todo o estado), sendo 284 deles da Região Metropolitana de Salvador.

A partir destes dados e da avaliação da própria sociedade, a FUNCEB decidiu reservar prêmios específicos para Salvador, separando a capital dos demais municípios do Macroterritório 2. Assim, foram criadas as duas categorias diferentes para este Macroterritório: Categoria 1) propostas oriundas exclusivamente de Salvador; e Categoria 2) propostas oriundas dos demais municípios do Macroterritório 2.

O Calendário das Artes 2013 então passa a responder à maior demanda oriunda da capital e garante maior competitividade e acesso das propostas dos outros municípios do Macroterritório 2.

Para este novo formato, o aporte financeiro total para a Chamada passa a ser de R$ 637 mil (16% maior que o oferecido nas edições de 2012), para apoiar no mínimo 49 projetos, com previsão de que sejam pelo menos sete propostas premiadas de cada um dos seis Macroterritórios da Bahia e sete propostas de Salvador.

Voltar ao topo

O que preciso fazer para me inscrever?

Aqui neste site, você poderá ler o regulamento e ter acesso aos anexos do Edital. Faça o download do Formulário de Inscrição e escreva a sua proposta. Ao finalizar, assine (em todas as folhas) e envie, em envelope lacrado e identificado conforme descrito no Edital, para o endereço de inscrição, apenas por correspondência registrada ou serviço Sedex e com Aviso de Recebimento. Se quiser, você pode enviar materiais complementares, como fotos, cartazes, matérias de jornal etc. As inscrições são feitas exclusivamente via Correios e se encerram no dia 11 de março.

As inscrições estão abertas até 11 de março.

Voltar ao topo

Para qual endereço devo enviar minha proposta?

Todas as propostas, oriundas de quaisquer cidades e Macroterritórios, devem ser enviadas para: Fundação Cultural do Estado da Bahia, Caixa Postal 2485 CEP 40020-970, Salvador – Bahia.

A FUNCEB funcionará, então, como uma central de recebimento de todos os envelopes, que serão devidamente encaminhados, pela própria FUNCEB, para os locais onde serão feitas as seleções de cada Macroterritório. O processo territorializado de avaliação das propostas pelas Comissões de Seleção será realizado em municípios localizados em cada um dos seis Macroterritórios.

Voltar ao topo

Meu projeto tem que ser realizado no Macroterritório onde resido?

Não. O projeto pode ser realizado em qualquer município, Território, Macroterritório, estado ou país.

Voltar ao topo

Tenho de pagar para me inscrever?

Não. As inscrições são gratuitas. No entanto, o proponente é responsável pelos custos de impressão, envelopes, materiais complementares, postagem nos Correios etc.

Voltar ao topo

Até quando posso me inscrever?

As inscrições da 1ª Chamada do Calendário das Artes se encerram no dia 11 de março de 2013. Não serão analisadas propostas postadas após esta data.

Voltar ao topo

Com quantos projetos posso concorrer?

Cada proponente só pode inscrever uma proposta.

Voltar ao topo

Posso mandar mais de uma proposta por correspondência?

Não. Cada envelope postado corresponde a uma inscrição.

Voltar ao topo

Como será a seleção dos premiados?

Em cada Macroterritório da Bahia, será formada uma comissão específica, que vai ter representantes do Estado, do Macroterritório onde haverá a seleção e de outros Macroterritórios.

Os critérios da seleção são: a) qualidade artística do projeto, levando em consideração a clareza e coerência das ideias propostas; b) relevância da atuação local e/ou regional dos agentes envolvidos na realização do projeto; c) viabilidade de execução da proposta e coerência dos custos orçamentários; d) importância do projeto como estimulador da diversidade artístico-cultural no Macroterritório de sua realização; e) estratégias de democratização cultural, através de ações que facilitem o acesso do público; f) articulação e parcerias com artistas, grupos artísticos ou organizações ligadas ao campo cultural.

A avaliação e a seleção dos projetos serão feitas de forma territorializada.

Voltar ao topo

Quando e onde sairá o resultado?

O resultado será divulgado no Diário Oficial do Estado da Bahia e no site da FUNCEB (www.fundacaocultural.ba.gov.br) em até 20 dias após o encerramento das inscrições.

Voltar ao topo

Se eu não for selecionado, posso pegar meus materiais de volta?

Não. Os formulários e outros materiais das propostas inscritas não serão devolvidos. Eles serão descartados após a divulgação do resultado.

Voltar ao topo

Se eu for selecionado, quais documentos precisarei enviar para habilitação?

Consulte a lista completa de documentos para habilitação no Anexo III do Edital. Os documentos deverão ser entregues na FUNCEB, ou enviados por Correios, exclusivamente pelo serviço Sedex, em até cinco dias úteis após a divulgação do resultado.

Voltar ao topo

Se eu for habilitado, o que devo fazer?

Você deve aguardar o contato da FUNCEB para assinatura do Contrato, que estabelece os direitos e responsabilidades das partes. Por isso, esteja muito atento com os contatos (telefones e e-mails) que você insere no Formulário de Inscrição de sua proposta. O prêmio será depositado na conta informada em até 30 dias após a assinatura do Contrato.

Voltar ao topo

Depois que eu receber o prêmio, a FUNCEB vai acompanhar o meu projeto?

Sim. A FUNCEB acompanhará a execução dos projetos premiados através de visitas de seus funcionários e troca de informações com os premiados.

Voltar ao topo

A FUNCEB vai ajudar a divulgar meu projeto?

Sim. A FUNCEB pode divulgar o projeto em seus veículos de comunicação institucional: site, informativos, Agenda Cultural Bahia e perfis em redes sociais. Também podemos contribuir para a divulgação na imprensa. Para tanto, precisamos que você nos envie informações e conteúdos (textos, fotos, cartazes etc.), com antecedência. Para saber como fazer isso e combinar as tarefas, entre em contato com a Assessoria de Comunicação da FUNCEB, através do e-mail asc.funceb@gmail.com.

Voltar ao topo

Vou ter de comprovar a realização do projeto?

Sim. Você terá de demonstrar que realizou o projeto conforme descrito na sua proposta. Trinta dias após a conclusão do projeto, será preciso apresentar um Relatório de Atividades, com informações e registros (fotografias, matérias publicadas na imprensa, vídeos, programas, cartazes, dentre outros) das ações.

Voltar ao topo

E se eu for premiado e não cumprir estas exigências?

Se você deixar de cumprir as exigências do Edital ou as cláusulas do Contrato a ser assinado, ficará proibido de licitar e contratar com a FUNCEB por até dois anos. Caso a proposta não seja executada, você terá de devolver o valor total do prêmio.

Voltar ao topo

Tenho dúvidas. Com quem eu falo?

Caso queira tirar dúvidas ou ter mais informações, ligue para 71 3324-8505, das 14 às 18 horas, ou escreva para o e-mail calendario.artes@funceb.ba.gov.br. Recomendamos a leitura completa do Edital para entender todas as suas orientações e exigências.

É muito importante a leitura completa do Edital antes de escrever e enviar sua proposta. Apenas o Edital apresenta formalmente as regras para o concurso.

Voltar ao topo

Marcas